Previous Next

Pela 5ª vez seguida, UFRJ alcança nota máxima em avaliação do MEC

Blog Acessos: 2297

Dados relativos a 2018, divulgados na última quinta-feira (12/12) pelo Ministério da Educação (MEC), apontaram que a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) alcançou nota máxima no Índice Geral de Cursos (IGC), que avalia a qualidade das instituições de ensino superior do país. A escala vai de 1 a 5, em que 1 e 2 são insuficientes e 5 é a nota máxima. É o quinto ano seguido que a UFRJ pontua com o máximo possível.

Das 2.071 instituições avaliadas, 0,3% ficaram com conceito 1, 12,6% com conceito 2, 63,6% com conceito 3, 21,3% com conceito 4 e 2% com conceito 5.

 

Como funciona o índice

Utilizando indicadores como a nota do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), a média dos Conceitos Preliminares de Cursos (CPCs) – avaliação relativa à graduação – e o conceito da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), o IGC resume a qualidade dos cursos de graduação, pós-graduação, mestrado e doutorado de cada instituição participante.

 

Assessoria de Imprensa do Gabinete da Reitora
UFRJ

Imprimir